Segunda-feira, 11 de Agosto de 2008

Aos bocados

 

 Aos poucos vai passando o tempo, as feridas começam a se curar, sei que a cicatrização é demorada e que vai estar muito frágil durante esse tempo todo, mas como tudo na vida tem que seguir o seu caminho, com a ajuda dos amigos os dias passam um pouco melhor, começa-mos a habituar-nos á ideia de que estamos destinados ao esquecimento, esquecer o sentimento que bate forte no nosso coração sem perspectiva  de tempo, tentar esquecer o teu olhar, o teu riso, o teu beijo, não isso não quero nem vou esquecer, isso é parte integrante de ti, e tu foste, és e serás sempre parte de mim, posso encontrar um novo amor, mas tu terás sempre um cantinho especial dentro do meu grande coração, ninguém sabe o seu futuro e quem sabe se não voltaremos a nos encontrar, agora são tempos de mudança, por enquanto não quero outra mulher, não quero beijar alguém com os olhos fechados e pensar que te estou a beijar a ti , seria uma desilusão enorme quando abrisse os olhos e não seria justo com essa pessoa, se bem que neste momento nenhuma mulher me cativa o olhar, já penso um pouco menos em ti, em nós, sinto-me acordar para a vida, conformado com o que se esta a passar, e vou assim vivendo dia a dia....

publicado por almariano às 19:23
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De ARMB a 11 de Agosto de 2008 às 22:11
sinto-me exactamente como tu...

é como se tivesse sido eu a escrever.... ainda bem que estás a conseguir esquecer. eu estou longe disso..

Boa sorte
De almariano a 12 de Agosto de 2008 às 12:45
Estou tambem a grande distancia do esquecimento, estou é numa etapa de conformação, vivo dia a dia suspirando e alimentando recordações mas sempre a olhar em frente, infelizmente somos muitos nesta situação, espero que ultrapasses este pequeno contratempo que se impos no teu caminho, aprende com ele e segue a tua vida, sorri, vive, liberta-te e apenas vive...

Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 33 seguidores

.pesquisar

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Feliz Natal

. Vitória....

. Ò Vento.....

. será......

. Misto de devaneios passad...

. Ser feliz no amor....

. Sei...

. Hoje....

. PALAVRAS....

. FELIZ NATAL

. Vivo....

. Sou....

. Ausente...

. Vida é amar...

. Nada dura....

. Um mundo....

. Uma forma de viver.....

. No silêncio da noite.....

. Perdido...

. Páscoa

. Um dia....

. Procuro.....

. Segunda oportunidade....

. Vida......

. Página.......

. renascer.........

. Ausente....

. Vento.........

. A luz........

. Cupido....

. Será....

. Um sonho......

. Semáforos....

. Lições da vida....

. Vivendo........

. Tristeza.......

. No fundo do báu....

. Falta inspiração....

. Amiga especial....

. palavras sem nexo...

. A resposta............

. Uma amizade...........

. Maresia...

. 1º aniversário...

. Noite mágica....

. Loool...

. Neve e mais neve...

. Prémio Blog de Ouro...

. Cantar os reis...

. Bom tempo...

.arquivos

. Janeiro 2016

. Fevereiro 2015

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Janeiro 2008

.contador

.visitors

Locations of visitors to this page

.tradutor

blogs SAPO

.subscrever feeds