Sábado, 22 de Novembro de 2008

Again...

Tudo tem começo meio e fim,

e acaba em derrota ou vitória,

a minha é mais ou menos assim,

e é apenas a minha história,

é uma lição da minha vida,

que me custou muito a aprender,

é uma derrota muito sentida,

que nunca imaginava acontecer,

mas o destino assim o quis,

e pela segunda vez aconteceu,

nada importa aquilo que fiz,

apenas aquilo que se sucedeu,

é o que fica escrito no tempo,

que mais tarde é recordado,

que passeia no pensamento,

de quem outrora já foi amado,

não consegui manter acesa a chama,

das pessoas que mais amava,

nessas duas vezes fui parar á lama,

que até a cabeça me tapava,

ainda me encontro aqui deitado,

embrenhado nesta sujidade,

sinto que estou a ser puxado,

pela mão da amizade,

esta queda é bem recente,

pois ainda me sinto a cair,

vai ser uma pancada bem potente,

aos bocados vou-me partir,

pressinto  que vou ser amparado,

para a queda não ser tão forte,

pois para isso fui preparado,

não fui abandonado á sorte,

mas mesmo assim vai ser muito cruel,

quando por momentos bater no fundo,

e vai demorar  para perceber qual o papel,

destinado para mim neste mundo...

 

 

Eis que há pouco fui almoçar,

Com a mulher da minha vida,

e ela acabou de confirmar,

que já se encontra comprometida,

já namora há 17 dias talvez,

com o tal rapaz em questão,

arriscou desta vez,

seguir a sua intuição,

muito quer a minha amizade,

mas apenas isso e nada mais,

falamos ambos com sinceridade,

e não conversámos por demais,

agora eu estou informado,

mas isso não muda o meu sentimento,

ela pensa que ele está apaixonado,

então eu dei o meu consentimento,

agora vou levantar a minha cabeça,

e olhar o horizonte á minha frente,

na minha vida só tenho uma certeza,

é que estou vivo certamente...

 

 

publicado por almariano às 14:53
link do post | comentar | favorito
|
8 comentários:
De Refém do Coração a 22 de Novembro de 2008 às 15:25
É emocionante como você brinca com as palavras.
Transforma em verso tudo o que está sentindo... Parabéns!!!!!!!!!!!!!!

Muito obrigada pelas palvras que vem deixando no meu blog.

Um grande beijo e bom FDS!

**Valeria**
De MIGUXA a 22 de Novembro de 2008 às 19:27
Álvaro,

Tens sempre um amanhã amigo, nunca te esqueças disso.

Jinhos e xi-kor
Margarida
De carlos a 22 de Novembro de 2008 às 19:39
Olá Álvaro ( creio ser o teu nome)
Entendo tudo tão bem do que aqui escreves-te, senti isso tudo, sim doi e o que doi. Apetece-me deixar um texto que coloquei no beu blog, há algum tempo atrás.( desculpa ser um pouco longo).
Abraço solidário!

Descubro agora que existem duas dores de amor.
A primeira que já conheço é quando a relação termina e seguimos o caminho a amar e com a ausência do outro, com a sensação de perda, de rejeição e sem perspectivas, pois ainda estamos muito envolvidos na dor que não conseguimos ver a luz no final.
A segunda dor é quando começamos a ver essa tal luz.
O que mais nos incomoda é a falta dos beijos e abraços, a dor de já não sermos importantes para o nosso amado.
Mas quando esta dor passa, começa o ritual da despedida, abandonar o amor que sentíamos , e isto dói .
A dor de esvaziar o coração, de tirar a saudade, de ficar livre, sem o sentimento especial por aquela pessoa, isto também dói e muito.
Fica-se ligado ao amor tanto quanto à pessoa que o gerou.
Despedir-se de um amor é despedirmo-nos de nós mesmos.
É o remate final de uma história que terminou, externamente mas sem nós concordamos.
Também precisa de sair de dentro de nós.
E só aí é que poderemos amar de novo.

De Dragonsky a 22 de Novembro de 2008 às 19:53
bem meu amigo, mais um grande poema, animo e força para a vida, pois a morte chega num abrir e fechar de olhos


[[cunps]]
De Gizele Alves a 22 de Novembro de 2008 às 21:26
Mais um lindo poema!! Cheio de sentimentos!! Parabéns!

*

Apesar da história triste fico muito feliz em ver que o desfecho é de uma pessoa que está viva, de cabeça erguida e buscando o horizonte!!

Felicidades amigo!!

bijoss!!.... Gi.
De catchingdreams a 23 de Novembro de 2008 às 12:00
Todas as memórias devem ser recordadas, independentemente de serem boas ou más!

Sabemos bem que não podemos mudar a maneira de pensar das outras pessoas e nem sempre aquilo que nós desejamos nos é concebido, mas a vida contínua e a felicidade não tardará em aparecer de novo na sua vida.



jinhos***
De Tixa a 23 de Novembro de 2008 às 12:58
olá

agora tem que olhar em frente e continuar a sua vida, e acima de tudo apoiar-se nos amigos que o ajudaram de certeza...

um abraço e bom domingo
De ARMB a 23 de Novembro de 2008 às 15:50
que mais poderei eu dizer... ??
aquilo que escreves faz-me crer que ainda há Camões em Portugal, faz-me acreditar que ainda há pessoas que escrevem com o coração e não com a razão.... tu és uma delas....

Em relação ao teu amor, e a essa tua dor, nada posso fazer, mas acredita que queria muito poder ajudar-te... Tens o meu apoio para o que precisares, passar por um amor tão forte assim não é fácil, mas de certeza que vais conseguir, e um dia ainda te vais rir de amor tão lindo e verdadeiro :) ...
anima-te meu amigo poeta.....

Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 33 seguidores

.pesquisar

.Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Feliz Natal

. Vitória....

. Ò Vento.....

. será......

. Misto de devaneios passad...

. Ser feliz no amor....

. Sei...

. Hoje....

. PALAVRAS....

. FELIZ NATAL

. Vivo....

. Sou....

. Ausente...

. Vida é amar...

. Nada dura....

. Um mundo....

. Uma forma de viver.....

. No silêncio da noite.....

. Perdido...

. Páscoa

. Um dia....

. Procuro.....

. Segunda oportunidade....

. Vida......

. Página.......

. renascer.........

. Ausente....

. Vento.........

. A luz........

. Cupido....

. Será....

. Um sonho......

. Semáforos....

. Lições da vida....

. Vivendo........

. Tristeza.......

. No fundo do báu....

. Falta inspiração....

. Amiga especial....

. palavras sem nexo...

. A resposta............

. Uma amizade...........

. Maresia...

. 1º aniversário...

. Noite mágica....

. Loool...

. Neve e mais neve...

. Prémio Blog de Ouro...

. Cantar os reis...

. Bom tempo...

.arquivos

. Janeiro 2016

. Fevereiro 2015

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Janeiro 2008

.contador

.visitors

Locations of visitors to this page

.tradutor

blogs SAPO

.subscrever feeds